NOTÍCIAS

26-10 - Entenda o que é a carie e o porquê seu dentista pede a radiografia periapical

compartilhe:

Cuidar da saúde da sua boca é mais importante do que você imagina. Muito mais do que
ir ao dentista anualmente para fazer o controle da limpeza dos dentes, acompanhar os
resultados de exames também é essencial para que você garanta um sorriso sempre
bonito e saudável.

Um dos cuidados indispensáveis que todo dentista deve garantir para seu paciente é
evitar o desenvolvimento de lesões como a cárie - e a radiografia periapical, um
exame complementar, é a melhor amiga desse profissional na garantia do diagnóstico
perfeito.

Nesse artigo, vamos explicar como a radiografia periapical faz a diferença no
tratamento da cárie. Confira!

O que é a cárie?

Cárie é o nome dado à lesão observada no dente, que é um resultado da deterioração de
suas estruturas, geralmente causada por um crescimento anormal de bactérias na região.
Ela se desenvolve por conta da falta de higienização, permitindo que a colônia
bacteriana local aumente e seja responsável pela formação da lesão.

Apesar de ser mais comum em crianças, as cáries podem se desenvolver em
adultos. Essa lesão é classificada em três tipos:

  • Cárie recorrente, que ocorre nos dentes com restaurações e coroas protéticas; 
  • Cárie radicular, que ocorre na região da raiz do dente exposta por gengivas retraídas; 
  • Cárie coronária, que é o tipo mais comum, se desenvolvendo na coroa dos dentes. 

Como é realizado o tratamento da cárie?

O tratamento da cárie é realizado, inicialmente, com o diagnóstico dessa condição.
Geralmente, o dentista identifica a cárie a partir da queixa do paciente de dores em
determinada região ou, simplesmente, observando a formação da lesão nos dentes, seja
com a ajuda de uma radiografia periapical, ou por uma mancha capaz de ser vista a olho
nu.

Depois da remoção da colônia bacteriana e, em alguns casos, a colocação de
restaurações e coroas no lugar lesionado, o paciente deve seguir um protocolo de
cuidados com a higiene oral para evitar que novas lesões se desenvolvam. Escovar os
dentes, pelo menos três vezes ao dia, usar o fio dental, balancear a dieta e visitar sempre
o dentista para realizar a limpeza são alguns dos cuidados sugeridos.

Qual o papel da radiografia periapical nesse tratamento?

A radiografia periapical é um tipo de raio-x capaz de garantir ao dentista uma visão
completa da região dos dentes da mandíbula e da maxila. Dessa maneira, o profissional
consegue observar bem todos os dentes e elementos estruturais da região, facilitando o
fechamento de um diagnóstico e até mesmo a tomada de decisão sobre um determinado
tratamento.

Geralmente, a radiografia periapical é pedida por dentistas para:

  • Diagnosticar lesões ao redor da raiz dos dentes; 
  • Avaliar a presença de cáries; 
  • Visualizar a presença de implantes dentários; 
  • Diagnosticar cálculos salivares aderidos aos dentes; 
  • Avaliar a qualidade óssea da arcada; 
  • Visualizar o tamanho de lesões que ocorrem pela presença de cáries, entre outros. 

Onde fazer a radiografia?

Assim como qualquer outro exame odontológico, a radiografia periapical sempre deve
ser realizada em uma clínica de confiança, com a ajuda de aparelhos modernos e,
especialmente, profissionais capacitados para obter o melhor resultado possível com
essa técnica.

Você já realizou uma radiografia periapical antes? Como ela lhe ajudou no tratamento da cárie e de outras condições odontológicas? Conte para a gente!